domingo, julho 17, 2005

Uma sala em Luanda

Poderão pensar, o que tem de especial uma sala? Mas que história interessante poderá ter uma sala que mereça ser relatada? E já agora a que sala se referirão?

A sala da nossa casa, a sala de estar e jantar da nossa casa...

Tudo começou em Junho de 2004 quando o Nuno cá chegou, tirou as primeiras fotos que chegaram a Portugal via email, tornando-se incontornável após as minhas férias cá no final de Setembro desse ano. A sala fica no seguimento da porta de entrada, logo a seguir a um hall espaçoso e tem uma vista fabulosa.

O seu interior naquela data era recheado de uma mobília indiscritível em madeira, com influência de bambu, pintada num tom matizado de laranja, e uns estofos, que vestiam os sofás e cadeiras, de quadrados entre o amarelo e o bordeaux, não esquecendo, claro, o laranja. Era muito feia!!! Pensar que era o sítio onde passávamos mais tempo, onde víamos um filme ou recebíamos um amigo para jantar, deixava-me arrepiada.

E foi o fim da sala. No final de Dezembro, quando o Nuno nos contemplou com mais uma das suas, sempre tão ansiadas, visitas a Lisboa, percorremos todas as soluções de decoração disponíveis no mercado. E fizémos umas "comprinhas", coisa que agora até já tenho umas saudades de fazer, na esperança que a minha nova vida a começar em Abril já fosse encontrar o conforto de um lar escolhido e pensado para nós.


Quando entrei na sala, no dia 1 de Abril, havia obras, e ainda sorri, bem não está montado mas já cá está, menos mal, e assim ainda posso dar umas dicas sobre os pormenores. Mas não, imaginem vocês que o que estava a ser montado era a cozinha e o quarto. Ainda voltaria a Portugal, casaria e faria uma lua-de-mel antes que as mobílias chegassem. Foi assim, com uma alegria que só 6 meses de espera podem acarinhar, que recebemos as mobílias, em várias caixas, flat, com demasiados parafusos, porcas e folhas de instrução, que só o (abençoado) "pessoal" da Abrantina haveria de tratar sem segredos.

A nossa sala está definitavamente montada, e está LINDA de morrer! O serviço de jantar, copos e faqueiro, bem como o fabuloso plasma de 42", não sem antes passarem pela sua própria história de desalfandegamento, também já acompanham esta mobília.


É bom estar diariamente nesta sala.

ORA VEJAM.............

1 Comments:

At 1:58 da tarde, Blogger Paula Lopes said...

As poucas fotografias que vi da sala anterior e as que agora vejo, levam-me a uma grande questão...
Será que são vocês que se estão a adaptar a Luanda ou Luanda que se está a adaptar a vocês????

 

Enviar um comentário

<< Home

Site Feed